Publipost: O que não fazer

No post de hoje falaremos sobre Publipost, veja alguns erros que você deve tentar evitar caso tenha interesse na área de Influenciadora Digital. 

Gostaria de deixar bem claro que a idéia deste post é mostrar situações que aconteceram com influenciadoras e ganharam manchetes, não estamos aqui para falar mal de ninguém e sim discutir este assunto com estes exemplos. 



publipost erros das influenciadoras
Imagem meramente ilustrativa 


  • Procurar parceria de forma errada
É muito comum os participantes do Big Brother, trabalharem como influenciadores seja você o campeão do programa ou um dos eliminados durante os três meses de confinamento, quem participa da atração muitas vezes procura fama e o instagram e youtube são formas de você ficar famoso e se manter famoso, no caso de um ex-BBB. 

publipost erros



Neste caso temos a vencedora do BBB17 Emilly Araujo, saiu uma matéria em um site de fofocas dizendo que ela teria supostamente ido a uma loja, na tentativa de conseguir um celular do momento em troca de divulgação nas suas redes sociais. Não tem problema nenhum dela querer ter parceria com essa marca, a questão é que o pessoal da loja, não poderia ajuda-la com isso. 

Neste caso ela deveria tentar entrar em contato com a assessoria da marca e negociar uma parceria, talvez. A loja não cuida dessa parte de publicidade, provavelmente o marketing da empresa, fecha as parcerias com influenciadoras.

Nós não achamos nenhuma declaração da Emilly falando sobre o acontecido, apenas sites divulgando o caso, que é antigo. 


  • Publi que é Propaganda ??? 
De novo a Emilly, este ano ela foi acusada por um perfil no instagram que fala sobre famosos de ter comprado produtos de uma marca e divulgado esta no instagram, como Publicidade (ela indicou o post com essa palavra), quando na verdade a marca não havia a contratado, a própria empresa supostamente respondeu para a pessoa que publicou a matéria, dizendo que não poderia impedir as pessoas de publicarem seus produtos. 



Propaganda não é Publicidade 

E realmente se você quiser divulgar um produto no seu insta, não importa se você seja famoso ou não, nada impede porém é aconselhável não marcar a foto como Publi. 

Publicidade é quando a empresa paga pela divulgação, seja na TV, Rede Social, Revista é um serviço, Propaganda é quando você divulga um produto por vontade própria sem receber nada por isso. No caso da Emilly se ela realmente comprou os produtos e divulgou no insta por iniciativa própria ela está fazendo propaganda era só não ter marcado a foto como PUBLI. 

Abaixo os print que foi publicado sobre o caso na época:


Foto: Reprodução


Muitas influenciadoras fazem propaganda de produtos, divulgando estes por iniciativa própria para que a marca em questão veja e entre em contato para uma futura parceria, se você tem interesse em trabalhar com uma marca você pode fazer Propaganda desta ou tentar entrar em contato com a assessoria e negociar uma parceria. 


  • Esquecer de revisar o texto 
Este caso é muito comum, ao ser contrata para divulgar uma marca esta poderá te enviar o texto que deseja ver na publicação, leia este antes de copiar e colar. 

No caso abaixo a Adriana Santana (que também participou do Big Brother Brasil há tempos atrás), foi divulgar uma marca de brinquedos porém esqueceu de editar o texto então o XX que aparece na imagem seria o lugar da palavra dos brinquedos talvez, depois ela se pronunciou explicando a situação. 



gafes influenciadoras digitais
Foto: Reprodução 


No post que fizemos há um tempo atrás Saia Justa - Publiposts mostramos uma situação semelhante que ocorreu com a apresentadora Helen Ganzarolli, neste post mostramos situações semelhantes as descritas por aqui, se você curte este mundo de influenciadoras vale a pena dar uma olhadinha. 



adriana santana publipost erro
Foto: Reprodução


A própria influenciadora se pronunciou sobre a situação depois, a única pessoa que não deve ter rido da situação deve ter sido a empresa em questão. 

  • Quando o Publipost vira polêmica 
Esse caso foi bem complicado, a influenciadora em questão coincidência ou não também participou do BBB há dez anos atrás, hoje trabalha no segmento de lifecoach, no caso ao publicar um vídeo da filha com uma toalha que tem um capuz em forma de elefante ela vestiu o capuz na criança, porque não queria expor o seu rosto e depois disso foi parar nos assuntos mais comentados do twitter, em sites de fofocas, ela apagou a postagem logo em seguida mas o assunto já havia virado polêmica. 


publipost o que não fazer
Foto Reprodução

Se a marca pagou para a influenciadora, se mandou em forma de cortesia, nós não sabemos exatamente, porque ninguém falou sobre isso publicamente citando nomes, a marca após o vídeo polêmico fez um post falando sobre o assunto indiretamente, a dona dessa marca também conversou com seus seguidores sem mencionar o nome da influenciadora, sobre um problema que ela teve com uma parceria paga, porém sem mencionar nomes. 

O fato é que no vídeo da criança usando o produto, a empresa foi marcada, ou seja houve divulgação. 

Abaixo o print do pronunciamento da empresa logo após o vídeo polêmico, nós optamos por não mostrar o nome da companhia neste caso e também no caso que descrevemos anteriormente a Emily, por isso o borrado na foto. 



publipost erros
Pronunciamento da empresa sobre o publipost  Foto: Reprodução

Nós não vamos publicar foto da criança usando a toalhinha com capuz, porque não queremos causar polêmica de um assunto que já acabou, pelo menos na mídia, a idéia do post é falar sobre erros de publiposts, na internet tem matérias sobre essa história e o vídeo que gerou toda essa polêmica, o fato é que a marca acabou sendo prejudicada de certa forma, mesmo que sem intenção.

Ou seja cuidado com o que você publica, principalmente quando por algum motivo seja publicidade ou propaganda, o nome de alguma empresa for marcado nos seus posts. 


polêmica influenciadora
Foto: Reprodução 

  • Sobrou até para Bruna Marquezine 
Sim pessoal, globais também podem ter problemas com o publipost no caso abaixo foi com o Conar, que é responsável por julgar se há irregularidade na publicidade, se está tem conteúdo indevido, no caso abaixo a atriz Bruna Marquezine, tomou uma chamada do Conar devido há alguns posts, que fez divulgando produtos de beleza, lançamento de carros, sem marcar #Publi nas fotos. 

O ideal que esteja indicado no título ou inicio do post (em caso de blogs, sites), no instagram tem a opção de você marcar como Parceria Paga, ou com a tag #Publi, no Youtube também nas configurações do vídeo há a opção de indicar, se este é publicidade. Depois disso ela passou a indicar a fotos que são publicidades e o problema acabou. 

Caso queira saber de mais situações como estas, que devem ser evitadas veja o post que fizemos tempos atrás. 


Leia também: 




conar e publipost bruna marquezine

Comentários

Nossas Redes sociais