Gênesis: Egípcias enfeites de Cabelo

E hoje relembraremos os maravilhosos enfeites de cabelo das rainhas Aat (Bianka Fernandes), Khen (Pérola Faria) e da serva Agar (Hilka Maria) na novela Gênesis da Record.


Enfeites de Cabelo Gênesis
Agar (Ilka Maria)



Novela Gênesis (Sinopse)


Gênesis é a nova novela da Record, que conta a história do homem desde os tempos de Adão e Eva até a formação do povo Judeu.

A primeira fase foi sobre Ur dos Caldeus, possível cidade natal de Abrahão e a segunda fase que leva o seu nome mostra os acontecimentos após a saída do protagonista de sua cidade natal, após um chamado do criador.


Novela Gênesis Egipcias


Egípcias na novela Gênesis


O período retratado na novela é conhecido como Império Antigo, o faraó Amenemhat III e suas esposas são personagens históricos.

É certo a existência deste monarca, porém o tempo de seu reinado é motivo para discussões, alguns acreditam que este durou quarenta anos e outros que durou apenas oito anos.

Seu reinado é considerado um período tranquilo sem guerras, ou grandes conflitos políticos, marcado pela construção de inúmeras pirâmides.


Femi (Gabi Lopes)
Femi (Gabi Lopes)


Rainha Aat (Bianka Fernandes)


A rainha Aat é uma personagem histórica, sua tumba foi encontrada porém já havia sido saqueada, o mesmo aconteceu com seu marido o que dificulta informações sobre ela.

Apesar de Aat ser a suposta mãe do sucessor de seu marido, na novela quem tem o filho primogênito é a outra Rainha, Khen (Pérola Faria). 

Após o reinado de Amenemhat IV, veio o governo de Soberkneferu que seria a primeira mulher a governar o Egito e supostamente ela também foi filha de Aat, que faleceu com 35 anos. 


Gênesis rainha do egito


Rainha Khen (Pérola Faria)

Existem relatos que Amenehat III teria tido outra esposa, porém existem algumas incongruências a respeito de seu nome, e ela teria falecido com 25 anos.


rainha Khen (Pérola Faria)



Era costume as mulheres importantes serem enterradas ao lado de seus maridos e realmente as duas rainhas foram encontradas próximas a tumba de Amenehat III.

Como mencionamos na época de Os Dez Mandamentos, os egípcios tinham horror a cabelo, digamos que em Gênesis as rainhas são até educadas com Sarai (Adriana Garambone), perto da Nefertari (Camila Rodrigues) ao se referir aos cabelos das hebréias.


Foto da rainha egipcia com colar e peruca


Na verdade o povo Egípcio tinha uma imensa preocupação com higiene pessoal, devido ao calor escaldante eles adotaram este hábito de raspar a cabeça e usar perucas feitas com cabelos naturais. 

Este costume teria surgido no Sul do Egito (na região dos habitantes de Núbia) e chegou a sobreviver até o Império Novo.


Sarai (Adriana Garambone)


A cena em que as rainhas queriam cortar o cabelo de Sarai (Adriana Garambone) para fazer perucas, demonstra isso.

Fato é que eles assimilavam o cabelo não apenas a piolhos, mas também ao inseto que causa tifo.

Na cena abaixo é visível a preocupação da Sarai (Adriana Garambone) em não mostrar seus cabelos, uma vez que durante séculos, os cabelos soltos foram vistos como sinal de sensualidade. Ao contrário dela as demais personagens egípcias não tinham esta preocupação. 

As roupas da Sarai (Adriana Garambone) parecem bem mais pesadas, perto dos looks da Agar (Hilka Maria) e da Issa (Karen Julia), o calor escaldante influenciava nos costumes e vestimenta da época. 





Já notaram que a peruca da Sarai (Adriana Garambone) na novela é diferente das demais personagens?

Isso não é coincidência, há relatos que na era do Antigo Império Egípcio, haviam perucas mais longas mas apenas nobres e rainhas poderiam usa-las.

Em certo momento esta "regra" mudou e estas foram liberadas para as mulheres do povo. No filme O Retorno da Múmia (2001) uma peruca com cabelos cumpridos também aparece.


Sarai de egipcia e ao lado foto do filme O retorno da mumia mesmo cabelo



No caso Sarai (Adriana Garambone) se recusou a cortar seus cabelos, logo uma peruca cumprida seria necessária para cobri-los.

Essa preocupação que foi retratada nas duas novelas Os Dez mandamentos e Gênesis, não correspondia apenas ao assunto cabelo.

Muitos cosméticos foram criados pelos Egípcios com a intenção de se manterem sempre limpos, eles tomavam banho todos os dias e também tinha extrema preocupação com as unhas.

O tema antigo Egito voltará a aparecer na novela, em outra fase mas isso é assunto para outro dia. 

Referências: 

Livro: A vida no antigo egito, Eugen Strouhal


LEIA TAMBÉM: 


Comentários

Tema do Mês